LetteringYouTube

Quatro dicas para começar no lettering

By 25 de fevereiro de 2019 março 1st, 2019 No Comments

Apesar de estar “temporariamente” abandonado… este é um projeto que pretendo retomar em breve!

Há alguns meses criei um canal no YouTube a fim de que ele fosse um espaço dedicado às letras… dicas, tutoriais, referências e muitooo, muito mais… um espaço para compartilharmos conhecimento e trocarmos experiências… Então não perca tempo, já se inscreva no canal, ative as notificações e, quem sabe *O*, logo, logo você não recebe notificações de novos vídeos!

Apesar de me dedicar ao design há muito mais tempo, trabalho com lettering desde 2017. Hoje estou morando em Coimbra, Portugal. Mas vamos ao que interessa… como comecei no lettering?

Sou designer gráfico e por muito tempo me dediquei exclusivamente a isto. Num determinado momento percebi como as coisas que eu fazia tinham se tornado muito mecânicas, quase que automáticas.

Tudo o que eu criava estava sempre separado de mim por uma tela, um teclado e um mouse e justamente o que eu mais admirava no design – a criatividade, a personalização de cada peça – se perdeu. Na verdade até ali para mim havia apenas um tipo de estética, ainda mais falando sobre letras, para mim elas precisavam ser limpas, perfeitas. Me parecia que tudo o que era feito à mão era bagunçado ou inacabado de alguma forma.

Então… o “lettering” me achou…

Participei de um evento de design e lá conheci o trabalho do Jackson Alves!!! Eu nunca nem havia ouvido falar sobre lettering mas naquele momento eu decidi que ele seria o meu novo hobby! Algo para me desestressar, mas algo também para eu resgatar o feito à mão. Porém, o que eu não podia imaginar é que a brincadeira ficaria séria. De repente, um amigo pediu uma lousa para seu casamento, outro amigo uma parede para o quarto do seu filho e assim com cada traço, com cada letra, pude participar de momentos tão especiais… e… aqui estamos!!!

Olha aí… essa foi a primeira vez na vida que eu peguei numa Posca… eu ainda não sabia direito nem como usá-la…

Sim!!! Foi um grande desafio, mas não é assim com tudo o que fazemos pela primeira vez? Então o que você precisa para começar???

1. Primeiro… pare de se comparar!!!

Quem curte lettering tem uma lista de instagrams, pinterests e sites de artistas que admira. Ter referências é muito bom (vamos falar disso num próximo vídeo). Mas vemos ali trabalhos perfeitos, composições lindas e nos esquecemos de que um dia aquelas pessoas também começaram, assim como você está começando!!! Um ótimo exercício para você vencer isto é ir até o perfil daquele artista que você admira e achar o lettering mais antigo que aquela pessoa fez… observe como o trabalho dela evoluiu com o tempo e a prática. Isto com certeza vai te motivar a persistir!

2. E, por falar em persistir…

Você não vai ficar bom da noite para o dia. Lettering depende de estudo, de esforço e de muita… muita prática… por isso…

3. O que te motiva a aprender lettering é fundamental.

Com certeza os artistas que você admira são bons porque eles se divertem fazendo o que fazem!!! Se você quer aprender lettering porque está na moda ou porque acha que“dá dinheiro” mas não curte o processo… te dou uma dica… você não vai progredir no seu aprendizado!

4. Se acostume com a imperfeição!

Estamos acostumados ao digital – alinhamentos perfeitos, formas super definidas – mas, como tudo feito à mão, é a imperfeição que torna o lettering tão especial. Não há dois trabalhos idênticos, cada um vai ter uma característica diferente. No lettering a imperfeição não é um defeito, mas uma característica, a marca que diferencia um artista de outro, um trabalho do outro.

E é um sentimento indescritível ver algo que você imaginou, que você rascunhou, que você fez e refez várias e várias vezes, se transformar numa peça – no papel, na parede, ou onde quer que seja – algo feito com suas próprias mãos.

São os desafios que te fazem crescer e abrem as portas das oportunidades, o lettering pode ser o seu hobby ou uma maneira super criativa de você presentear as pessoas que você ama.

Mas, se você realmente quiser, ele pode ser uma habilidade a mais para o seu trabalho, um complemento pra sua renda ou até mesmo sua atividade principal.

Foi assim que eu comecei e espero que estas dicas possam te ajudar a começar!

E não se esqueça, me siga nas redes sociais, se inscreva no canal, envie suas críticas e suas sugestões de temas para os próximos vídeos e deixe aqui seu comentário…

Se você já se dedica ao lettering, me conte quais foram seus maiores desafios; se quer começar, quais têm sido seus medos? Suas barreiras?

Até!

Leave a Reply

translate